APPEMA - VR Associação dos Portadores de Parkinson, Esclerose Múltipla e AVC

Seja bem vindo ao Blog da APPEMA.

Sunday, April 8, 2018

Em 2008 já falávamos em SUPERAÇÃO

DOMINGO, 7 DE DEZEMBRO DE 2008

Superação

“A verdadeira medida de um homem não é como ele se comporta em momentos de conforto e conveniência, mas como ele se mantém em tempos de controvérsia e desafio.”
(Martin Luther King Jr.)
Na última 5ª feira realizamos a nossa confraternização de final de ano, selada com um coquetel. Foi um encontro lindo, cheio de alegria e alto astral. Entre os parkinsonianos, familiares e amigos presentes houve muita energia positiva, onde todos interagiram, aproveitando para se conhecerem melhor e estreitando os laços de amizade que vêm se formando. Houve também momentos de superação e emoção.
Se o grupo cresceu bastante nestes 09 meses de existência, individualmente também evoluímos. Por estarmos juntos, sentimos que um “protege” o outro, e assim, sentimo-nos mais seguros. Pessoas que já não saíam de casa mudaram seus comportamentos após começarem a freqüentar as reuniões do grupo, num processo abençoado de superação. Os desafios continuam, mas com força de vontade, persistência e fé em Deus vamos superando-os.
Que Ele possa nos abençoar, hoje e sempre.

DOMINGO, 14 DE DEZEMBRO DE 2008

Prefiro o Parkinson - Cordel



O Renato nos presenteou com um cordel, em que mostra de uma forma muito especial, que o Parkinson não é tão ruim assim. Agradecemos muito e deixamos o nosso espaço aberto para novas postagens.
Prefiro o Parkinson - Cordel

Quando não queremos
Certa situação aceitar
É bom parar e pensar
E alguns casos comparar

Parkinson é uma doença
Que é boa de exemplificar
Porque hoje quem a possui
Geralmente não quer aceitar

Temos nossas limitações
Nada que nos faça sofrer
Fazendo as comparações
Fica mais fácil entender

O Alzheimer chega mansinho
A medicina tem consciência
Generosa não tira a vida
Mas leva o doente a demência

Parkinson vêm do cérebro
Mas não afeta a cognição
Ficamos meios parados
Prestando bem atenção

Rigidez, disfasia e tremor
Um pouco de depressão
Não chega a ser nada
Se fizer a comparação

O AVC é outro exemplo,
E que não manda recado
Ou leva para o sono eterno
Ou paralisa o corpo de lado

O Parkinson temos certeza
É um bem educado inglês
Não tira a vida de ninguém
E não chega de uma vez

Você que ainda é novo
Ou já tem certa idade
Saiba que o fardo é dado
Conforme a capacidade


Câncer dispensa palavras
É uma doença do mal
Não descobriram a cura
Quase sempre ela é fatal

Parkinson sabemos enrijece
Mas isto não faz tanto mal
Fazendo fisioterapia diária
Dá para ficar bem legal

Não se culpe do que tem
Nem a Deus nas alturas
A culpa é porque somos
Imperfeitas criaturas

Pense numa resposta:
Se tivesse que escolher
Entre Leucemia e AIDS
Qual não queria ter

Temos direito adquirido
Do nosso remédio ganhar
O governo nos fornece
Sem um centavo cobrar

Somos livres para ir e vir
Podemos dizer sim ou não
Contrário daquele cidadão
Vivendo mal na prisão

Esclerose Lateral E.L.A.
Nem é bom comentar
Prefiro o meu Parkinson
Quietinho no seu lugar

Imagine um corpo perfeito
Todos os membros no lugar
Uma linda família ao redor
Mas nada podendo enxergar

Se tivesse que uma optar
Nenhuma eu queria ficar
Como doença não escolhe
Melhor a que tiver, aceitar

Renato e Regina

1ª postagem feita no Blog da APPVR em 07/02/2009

REMÉDIO CONTRA MAL DE PARKINSON PODE CAUSAR COMPORTAMENTOS COMPULSIVOS
ROMA, 24 JAN (ANSA) - O vício em jogos de azar, o consumismo, os excessos na alimentação e na vida sexual podem se desenvolver em pessoas que sofrem do Mal de Parkinson como efeito colateral dos medicamentos desenvolvimentos seu tratamento.É o que revela os estudos apresentados neste sábado em Montecatini Terme (Toscana) no Simpósio da Associação italiana Parkinsonianos (AIP).Segundo estudos recentes, um em cada dez que realiza tratamento contra o mal de Parkinson pode sofrer de condutas compulsivas, devido ao uso de medicamentos a base de dopamina.A dopamina garante um bom controle sobre a rigidez, a lentidão dos movimentos e do tremor corporal, sintomas mais evidentes da doença, que degenera o sistema nervoso e que atualmente na Itália atinge mais de 200 mil pessoas.Essa substância "é o neurotransmissor do movimento, mas também do prazer e da motivação", explicou Ubaldo Bonuccelli, do departamento de Neurociências da Universidade de Pisa.Em pacientes pré-dispostos o uso desses medicamentos "desencadeia um distúrbio de controle dos impulsos, o que possibilita o desenvolvimento de compulsões", diz o especialista.Pesquisas realizadas no Centro Parkinson dos Institutos clínicos de Aperfeiçoamento de Milão revelam que o jogo de azar está associado a um excessivo estímulo induzido pelos medicamentos contra o mal de Parkinson do hemisfério cerebral direito, onde se desenvolve a "criatividade". (ANSA)24/01/2009 15:40 
© Copyright ANSA. Todos os direitos reservados.
Este texo foi postado pelo GRUPO DE APOIO AO PORTADOR DE PK DE ARARANGUÁ no blog PARKINSONBR.

Sunday, March 18, 2018

Dia Mundial de Conscientização da Doença de Parkinson na APPEMA VR

A APPEMA estará participando no dia 11 de abril, de atividades relacionadas a Doença de Parkinson, quando é formada uma corrente mundial, vibrando para o desenvolvimento de recursos que possam nos dar realmente uma melhor qualidade de vida. Participe!
Aguarde a programação.

Prevenção ao AVC

A Campanha de Prevenção ao AVC nas Empresas é um serviço prestado pela APPEMA, sem nenhum ônus para as mesmas.
Os interessados deverão entrar em contato pelo telefone 9231-0507, falar com Ana Lúcia, Presidente da APPEMA.

Conta Bancária

Banco Itaú
Agência: 0337
C/C: 80937-0

"Sua contribuição pode ser uma gota no oceano, mas sem ela o oceano seria menor"
Madre Teresa de Calcutá